top of page

Leituras

insta.png
lelivros cor (1).png
leituras_0.png

Autores clássicos franceses favoritos


 


Para aqueles que começam a se aventurar no charmoso mundo da literatura francesa, indico hoje alguns nomes por onde começar: Maupassant, Balzac, Flaubert e Hugo são quatro nomes que servem como boas portas de entrada para os leitores curiosos.



Guy de Maupassant:

Escritor e jornalista, Maupassant marcou a literatura francesa com seus seis romances: "Uma Vida", "Bel-Ami", "Pierre et Jean", e especialmente por seus contos como "Bola de Sebo" e "O Orla" - obra impregnadas pelo fantástico e por um estilo de escrita único e impressionante. Infelizmente, porém, sua carreira literária foi limitada a uma década - de 1880 a 1890 - antes de ele cair gradualmente na loucura e morrer pouco antes dos 43 anos. Teve seu sucesso reconhecido ainda em vida, e até hoje mantém uma reputação de destaque, constantemente renovada pelas inúmeras adaptações cinematográficas de suas obras.



Honoré de Balzac:

Famoso por suas agudas observações psicológicas, foi escritor, romancista, dramaturgo, crítico literário, crítico de arte, ensaísta e jornalista, deixou uma das mais imponentes obras românticas da literatura francesa, com mais de noventa romances e contos publicados de 1829 a 1855, reunidos sob o título "A Comédia Humana". Tido como o mestre do romance francês, se destacou acima de tudo na veia do realismo, notadamente com "O Pai Goriot" e Eugénie Grandet. Seu projeto em vida era identificar as “espécies sociais” de sua época, assim como Buffon havia identificado as espécies zoológicas - tendo descoberto que o romance pode aspirar a um "valor filosófico", quis explorar as diferentes classes sociais e os indivíduos que as compõem para "escrever a história esquecida por tantos historiadores: a da moral francesa.".


Gustave Flaubert:

Considerado, assim como Balzac e Hugo, um dos maiores romancistas franceses, Flaubert se destacou por suas reflexões acerca da profissão do escritor e pela modernidade de sua prosa poética romântica. Pregador destacado da segunda metade do século XIX, deixou sua marca na literatura universal pela profundidade de suas análises psicológicas, sua preocupação com o realismo, seu olhar lúcido sobre o comportamento dos indivíduos e da sociedade e pela força de seu estilo em grandes romances como ""Madame Bovary", "Salammbô" e " Educação Sentimental".


Victor Hugo:

Poeta, dramaturgo, escritor, romancista e desenhista, é considerado um dos mais importantes escritores da língua francesa. Ele também é um político e um intelectual comprometido que teve um importante papel ideológico e ocupa um lugar de destaque na história das letras francesas do século XIX. No teatro, se firmou como um dos líderes do romantismo francês com as peças "Hernani" e "Lucrèce Borgia". Sua obra se constitui também de diversos poemas líricos e incontáveis romances, pelos quais obteve enorme sucesso popular, primeiro com "Notre-Dame de Paris" e depois com "Os miseráveis". Além disso, escreveu também escritos e discursos políticos, relatos de viagens, coleções de notas e memórias e análises literárias. Tendo contribuído fortemente para a renovação da poesia e do teatro e tendo marcado o seu tempo pelas suas posições políticas e sociais, Victor Hugo é ainda hoje celebrado, na França e no mundo, como um personagem ilustre.




 

Gostou das dicas?


Comprando livros na Amazon através desses link você ajuda a apoiar o Gigi Dá Aulas! :)


Guy de Maupassant: https://amzn.to/2VTCmfI

Honoré de Balzac: https://amzn.to/2W1Acdz

Gustave Flaubert: https://amzn.to/3zpgsyl


Comments


bottom of page